sns-container
SNS-Print

Dia 3 de dezembro foram realizados cerca de 168 mil testes à COVID-19.

Portugal realizou, dia 3 de dezembro, cerca de 168 mil testes à COVID-19, com uma taxa de positividade de 3,3%. Este é o maior número de testes algumas vez registado num só dia em Portugal, de acordo com comunicado divulgado pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA). Destes, 117 mil testes (70%) foram testes rápidos de antigénio. Estes dados não incluem os autotestes.

Entre 29 de novembro e 3 de dezembro, o País realizou mais de 540 mil testes de diagnóstico à COVID-19. A 26 de novembro, o país tinha já atingido a marca de 21 milhões de testes à COVID-19 e deverá atingir os 22 milhões no início da próxima semana, revela o INSA.

No mês de novembro realizaram-se aproximadamente 1,5 milhões de testes de diagnóstico, com uma média diária de cerca de 50 mil testes. No que diz respeito à sua tipologia, realizaram-se até à data cerca de 15,2 milhões de testes TAAN/PCR e aproximadamente 6,4 milhões de TRAg de uso profissional, num total de 21,6 milhões de testes.

Desde o dia 19 de novembro, os testes rápidos de antigénio efetuados nas farmácias e laboratórios aderentes ao regime excecional de comparticipação voltaram a ser gratuitos. A medida, que abrange agora toda a população, pretende reforçar a proteção da saúde pública e o controlo da pandemia COVID-19, e vigora até 31 de dezembro.

A reativação do regime excecional e temporário de comparticipação dos TRAg visa contribuir para a deteção e isolamento precoce de casos, prevenir e mitigar o impacto da infeção por SARS-CoV-2 nos serviços de saúde e nas populações vulneráveis, assim como reduzir e controlar a transmissão da infeção por SARS-CoV-2 e monitorizar a evolução epidemiológica da COVID-19.

Voltar

Últimas Notícias

Hospital de Évora inicia uma nova especialidade para a região.
18/01/2022
Hospital Distrital de Santarém registou aumento de atividade em 2021.
18/01/2022
Mais de 4 milhões de pessoas receberam reforço contra a Covid-19
18/01/2022