sns-container
SNS-Print

Serviço reforçado com novos equipamentos e mais profissionais.

O Serviço de Patologia Clínica do Hospital de Vila Franca de Xira (HVFX) foi reforçado com mais sete Técnicos de Patologia Clínica, a par de um investimento em novos equipamentos.

O serviço passa a dispor de um equipamento para análises na área de alergologia e autoimunidade, instalado no mês de setembro, e um de equipamento automatizado de biologia molecular, que será instalado durante o mês de outubro.

Para Luís Silva, diretor do Serviço de Patologia Clínica do HFVX, «com a entrada destes novos colaboradores conseguimos dar resposta em várias frentes, nomeadamente no reforço das colheitas do Serviço de Urgência», permitindo «internalizar várias análises com este reforço, nomeadamente, na área da alergologia e autoimunidade».

Isto significa que as análises das colheitas passam a ser realizadas no próprio Serviço de Patologia, em vez de serem enviadas para laboratórios de outras instituições. Para este aumento da capacidade de realização contribuiu, igualmente, a aquisição do novo equipamento.

Helena Ribeiro, técnica coordenadora do Serviço de Patologia Clínica do HFVX, explica que este novo equipamento «permite internalizar este tipo de análise, que estávamos a enviar para fora e estávamos a ter tempos de resposta muito demorados que poderiam chegar aos 15 dias – 3 semanas, para se obter o resultado».

Espera-se, assim, reduzir significativamente este tempo, com «a vantagem de todo o processo ser realizado no Serviço de Patologia. É uma mais valia, reduz a dependência de entidades terceiras o que dá mais segurança e maior eficácia», afirma Helena Ribeiro.

Também o novo equipamento automatizado de biologia molecular, que está prestes a chegar ao HFVX, «vai melhorar os tempos de resposta de todos os parâmetros da biologia molecular, desde as cargas virais ao SARS-COV2, tornando possível ter resultados em menos tempo e assim dar uma resposta mais célere, o que permitirá um diagnóstico mais rápido ao doente», refere Luís Silva, diretor do Serviço de Patologia Clínica.

Esta rapidez nos resultados das análises é, também, particularmente importante no contexto de inverno, sobretudo no Serviço de Urgência, um serviço com enorme pressão até pelo fluxo de doentes, pelo que a redução dos tempos de resposta de exames é muito relevante.

Para saber mais, consulte:

HVFX > Notícias

Voltar

Últimas Notícias

“A Europa de continuar a investir na ciência e a promover uma agenda da investigação”, defendeu Manuel Pizarro
07/12/2023
Anúncio foi feito pelo Secretário de Estado da Saúde na AR.
07/12/2023
Projeto inovador com Sistema Avançado de Perfusão Subcutânea de Insulina.
07/12/2023