sns-container
SNS-Print

Seminário para a preparação do Plano Nacional de Saúde até 2030.

O Secretário de Estado Adjunto e da Saúde, Francisco Ramos, encerrou o Seminário “Saúde e objectivos de desenvolvimento sustentável: desafios para uma década”. Plano Nacional de Saúde, destacando que é “importante habituarmo-nos a respeitar e a prestigiar a saúde pública”, percebendo o que está mal e o que está a ser feito de forma errada.

“Temos de nos preocupar com o SNS, quando nos preocupamos com a saúde. Podemos fazer mais e melhor e contribuir com melhor saúde para os portugueses”, referiu, na sessão de trabalho marcada pela preparação do plano que irá vigorar até 2030.

Durante o evento organizado pela Direção-Geral da Saúde no dia 9 de outubro referiu que uma das oportunidades a dez anos é o envolvimento dos municípios, que vai ter um impulso grande.

“Ao longo desta década, além do envolvimento dos municípios em áreas como a saude e bem-estar temos oportunidade de ter outros agentes. Os municípios podem ser intervenientes diretos na organização dos serviços de saúde. Será um excelente desafio a liderar pela saúde publica. Deve ser cada vez mais relevante a saúde pública, salientou Francisco Ramos, recordando que é “quem pensa a saúde como um todo e com abrangência, identificando prioridades e avaliando o que fazemos”.

No final da intervenção salientou que o próximo Governo estará apoiante do programa do Plano Nacional de Saúde e que o “País terá muito melhor saúde daqui por dez anos”.

Voltar

Últimas Notícias

Hospital de Évora inicia uma nova especialidade para a região.
18/01/2022
Hospital Distrital de Santarém registou aumento de atividade em 2021.
18/01/2022
Mais de 4 milhões de pessoas receberam reforço contra a Covid-19
18/01/2022