Assinalada dia 16, data visa promover a saúde do aparelho vocal.

No dia 16 de abril assinala-se o Dia Mundial da Voz, com o objetivo de promover a saúde do aparelho vocal e prevenir doenças da laringe.

O Dia Mundial da Voz foi comemorado, pela primeira vez, em 2003, por sugestão de Mário Andrea, professor de Otorrinolaringologia (ORL) da Faculdade de Medicina de Lisboa, na primeira reunião da Sociedade Europeia de Laringologia (European Society of Laringology), à qual presidiu.

Rastreios gratuitos

Unidades do Serviço Nacional de Saúde promovem rastreios gratuitos e alertam a população para os cuidados a ter com a voz, prevenindo eventuais problemas na voz, através do diagnóstico precoce.

Centro Hospitalar de Entre o Douro e Vouga – Disponibiliza aos seus utentes e à população em geral um conjunto de atividades de prevenção e promoção da saúde vocal. Esta iniciativa resulta da colaboração entre os serviços de Otorrinolaringologia e Medicina Física e Reabilitação.

Assim, no dia 16 de abril de 2018, entre as 9 horas e as 16h30, serão realizados rastreios gratuitos de saúde vocal no átrio da Consulta Externa do Hospital São Sebastião, com a colaboração de otorrinolaringologistas e terapeutas da fala. O rastreio inclui um breve questionário de saúde vocal para identificação do mau uso e abuso vocal, a análise percetiva da voz e orientações de higiene e saúde vocal. Caso sejam detetadas alterações significativas, os participantes terão a oportunidade de ser observados e avaliados pelo médico otorrinolaringologista. Todos os participantes recebem um folheto de cuidados com a voz.

Além de sensibilizar os cidadãos para a importância de cuidar da voz, é objetivo dos profissionais de saúde do centro hospitalar conseguir um diagnóstico precoce de múltiplas patologias que lhe estão associadas, permitindo desta forma a preservação do nosso principal meio de comunicação.

O Serviço de Otorrinolaringologia / Unidade da Voz do Hospital de Egas Moniz, integrado no Centro Hospitalar de Lisboa Ocidental, promove rastreios no âmbito do Dia Mundial da Voz, de 16 a 19 de abril, sujeitos à disponibilidade do serviço, nos seguintes horários: das 9 horas às 12h30 e das 14 às 16 horas.

O Serviço de Otorrinolaringologia do Hospital Pedro Hispano, integrado na Unidade Local de Saúde de Matosinhos, e a Associação Portuguesa de Limitados da Voz promovem uma iniciativa comemorativa, no dia 20 de abril de 2018,  para assinalar o Dia Mundial da Voz.

Prémio Voz 2018

Este ano, 2018, a cerimónia comemorativa, que culminará com a entrega do Prémio Voz Montepio 2018 ao apresentador da RTP Júlio Isidro, decorre, no dia 16 de abril, no Auditório da Caixa Económica Montepio Geral e terá o locutor António Sala no papel de anfitrião.

Já foram agraciados com o prémio Ruy de Carvalho,  Eunice Muñoz e  Fernando Pádua (médico).

«Oiça a sua Voz» e «Goste da sua Voz» têm sido as mensagens divulgadas e que pretendem chamar a atenção para a importância de um diagnóstico precoce perante uma alteração do nosso principal meio de comunicação e para a prevenção das doenças que podem afetar a voz.

Cuidados a ter com a sua voz 

  • Beber água com frequência – oito copos por dia – à temperatura ambiente;
  • Reduzir a ingestão de bebidas alcoólicas, café, chá e bebidas com gás;
  • Não fumar e evitar frequentar ambientes com fumo;
  • Evitar ambientes com pó, cheiros fortes e ar condicionado;
  • Falar devagar e realizar pausas respiratórias frequentes, articulando bem as palavras;
  • Não falar muito alto ou durante períodos prolongados, principalmente em ambientes ruidosos;
  • Não sussurrar – o esforço para sussurrar é maior do que quando se fala normalmente;
  • Ter um estilo de vida saudável: alimentação equilibrada, dormir bem e praticar desporto.

 

Sinais de alerta a ter em conta

  • Alterações na voz;
  • Tosse frequente;
  • Alterações no timbre da voz ou dificuldade em colocar a voz;
  • Pigarrear ou rouquidão com frequência.

 

Para saber mais, consulte:

 

Voltar

Últimas Notícias

Plano de Ação Nacional apresentado em Lisboa, dia 20.
20/04/2018
Combate ao VIH/sida, tuberculose e malária.
20/04/2018
CHBM e Nova Medical School celebram protocolo de colaboração.
20/04/2018