sns-container
SNS-Print

Terceiro acelerador linear aumenta capacidade de resposta do SNS.

A entrada em funcionamento do terceiro acelerador linear do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) reforça o serviço de Radioterapia nos Hospitais de Coimbra e, consequentemente, a capacidade de resposta do Serviço Nacional de Saúde (SNS).

Em declarações à agência Lusa, o Presidente do Conselho de Administração do CHUC, José Martins Nunes, salientou que a «atribuição da terceira licença é uma excelente notícia para o CHUC, para o SNS e para a cidade, mas fundamentalmente para os doentes, que assim encontram mais uma nova esperança para o tratamento da sua doença».

«Com os recursos que temos e fazendo a utilização dos três aparelhos, é muito mais fácil colocar os doentes em tratamento de uma forma mais rápida e diminuir a espera para a realização de tratamento», defendeu, por outro lado, Margarida Borrego, Diretora do Serviço de Radioterapia do CHUC.

Segundo esta responsável, a partir de agora vai ser possível «diminuir o tempo de espera e tornar muito mais fácil o acesso ao tratamento do doente oncológico».

Antes da entrada em funcionamento do terceiro equipamento, o serviço de Radioterapia tratava, em média, cerca de 120 doentes por dia, dependendo do tipo de patologia, em dois turnos ininterruptos, das 8 às 20 horas, de segunda a sexta-feira.

O serviço de Radioterapia tem notado uma procura crescente ao longo dos últimos anos, tendo verificado em 2016 um aumento de doentes em tratamento na ordem dos 6% relativamente ao ano anterior.

Fonte: Lusa

 

 

 

Voltar

Últimas Notícias

Saúde dos pés foi mote de ação dedicada a Dia Mundial da Diabetes
19/11/2018
DGS organiza seminário, dia 20 de novembro, em Lisboa.
19/11/2018
Controlo de infeções e resistência a antibióticos em debate dia 19
19/11/2018