CHEDV pioneiro em cirurgia a hérnias discais por endoscopia.

O Centro Hospital de Entre o Douro e Vouga (CHEDV) realizou, com sucesso, as primeiras discectomias lombares totalmente endoscópicas, sendo o primeiro hospital no Serviço Nacional de Saúde a oferecer esta cirurgia inovadora aos seus utentes.

As quatro cirurgias foram realizadas pela Unidade da Coluna do Hospital de São Sebastião, sendo que esta intervenção permite fazer a mesma operação que a técnica aberta, mas apenas com uma incisão mínima, sem destruição muscular e lesão mínima ao nível de ligamentos e ossos.

O pós-operatório é habitualmente pouco doloroso e o procedimento pode ser feito com internamentos de um dia. Esta técnica oferece aos doentes uma agressão cirúrgica mínima, uma cicatriz quase impercetível (inferior a 1 cm), ótimos resultados cosméticos e uma taxa de infeção próxima de 0%.

De acordo com o responsável da Unidade de Coluna do CHEDV, Artur Teixeira, desde a abertura do Serviço de Ortopedia, que tem havido a preocupação de realizar o tratamento cirúrgico da hérnia discal de forma menos agressiva possível, sendo esse o objetivo desta técnica inovadora. O ortopedista pretende, por isso, alargar o procedimento a mais utentes, estimando que cerca de 150 doentes por ano poderão beneficiar da nova técnica.

Para saber mais, consulte:

Centro Hospital de Entre o Douro e Vouga – Notícias

 

Voltar

Últimas Notícias

Comissão divulga relatório sobre apoio às vítimas dos incêndios.
23/10/2017
Portugal em consórcio para desenvolvimento da medicina personalizada.
20/10/2017
ULS de Matosinhos vence prémio por boa gestão hospitalar.
23/10/2017