sns-container
SNS-Print

Comemora-se a 16 de maio, o Dia Internacional do Celíaco, que visa sensibilizar a população para esta doença.

O Dia Internacional do Celíaco, comemorado anualmente a 16 de maio tem como objetivo divulgar a doença e promover uma melhoria das taxas de diagnóstico. De acordo com a Associação Europeia das Sociedades Celíacas (Association of European Coeliac Societies) existem aproximadamente 7 milhões de pessoas na Europa que sofrem desta doença.

Trata-se de uma doença de difícil diagnóstico e que, sem tratamento adequado, pode ainda degenerar numa variedade de condições subsequentes, tais como infertilidade, osteoporose e cancro do intestino delgado. Não há cura nem medicação para a doença celíaca. O único tratamento é uma dieta rigorosa sem glúten para toda a vida.

Para aumentar a percentagem de pessoas diagnosticadas e reduzir o tempo entre o início dos sintomas e o diagnóstico, é fundamental que médicos e profissionais de saúde estejam cientes e possam reconhecer a multiplicidade de possíveis sintomas associados à doença celíaca.

A doença celíaca afeta um em cada 100 indivíduos geneticamente predispostos, que desenvolvem uma inflamação do intestino delgado após exposição ao glúten ingerido. O glúten é uma proteína que existe em vários cereais, nomeadamente trigo, cevada, centeio, etc., que desencadeia uma resposta imunológica nas pessoas predispostas à doença.

Em Portugal, a Associação Portuguesa de Celíacos organiza convívios destinados a celíacos, familiares e amigos em vários pontos do país para celebrar esta data.

Para saber mais, consulte:

Voltar

Últimas Notícias

Visitas a lares e unidades de saúde possível com autoteste supervisionado.
03/12/2021
Inaugurado primeiro Espaço Cidadão numa unidade de saúde.
03/12/2021
Equipamento permite diagnóstico oncológico em Pneumologia.
03/12/2021