Programa Nacional para as Doenças Oncológicas

Diretor para a área das Doenças Oncológicas – Dr. Nuno Augusto Alberto de Miranda, assistente graduado sénior de hematologia clínica do Instituto Português de Oncologia de Lisboa Francisco Gentil, EPE

  • a) Promover e dinamizar a monitorização dos programas de rastreio, no que se refere à eficácia e equidade dos mesmos e aos ganhos em saúde proporcionados;

    b) Caracterizar as unidades oncológicas existentes e promover a articulação da rede oncológica nacional;

    c) Promover a equidade no acesso a cuidados de saúde de qualidade, no tratamento das doenças oncológicas;

    d) Dinamizar a participação dos cidadãos, com particular destaque para a defesa de estilos de vida saudáveis.

  • Visão

    Diminuir os cancros evitáveis e os diagnósticos tardios através da prevenção e diagnóstico precoce e atenuar o impacto do cancro nos doentes e familiares

    Missão

    Promover a prevenção, diagnóstico e tratamento das doenças oncológicas garantindo a equidade e a acessibilidade dos cidadãos.

    Metas de Saúde a 2020

    1. Expandir a cobertura dos rastreios oncológicos de base populacional, a todo o território nacional e aumentar as taxas de cobertura populacional até 2020: rastreio do cancro da mama 90%, rastreio do cancro do colo do útero 75% e rastreio do cancro do colon e reto 50%;
    2. Reduzir percentagem de cirurgias oncológicas que ultrapassa o Tempo Máximo de Resposta Garantido (TMRG) para menos de 10% até 2020;
    3. Promover a integração de cuidados entre cuidados de saúde primários e cuidados hospitalares em três patologias oncológicas;
    4. Garantir que 75% das patologias do reto, pâncreas e testículo são tratados em centro de referência.

     

    Programas de Saúde Prioritários – Metas de Saúde 2020

Data de Atualização: 28-07-2017
Voltar