Hoje, dia 1 de fevereiro, o Portal SNS assinala o seu primeiro aniversário.

Com mais de 2,7 milhões de acessos e 61,5% de novos utilizadores diários, o Portal SNS está online há 8 760 horas, não registando quebras de funcionamento ou indisponibilidade nos 525 600 minutos de atividade.

Nestes doze meses, com atualizações diárias de informação, desenvolvimento de novas funcionalidades e aperfeiçoamento de serviços prestados, o Portal SNS já é uma referência incontornável junto dos portugueses.

Assume-se como o único local que centraliza todos os conteúdos relevantes da saúde e do Serviço Nacional de Saúde, anteriormente dispersos, representando o ponto de contacto e entrada para outros portais. Como ferramenta comunicacional, promove a participação e veio alterar o paradigma de comunicação com os diferentes públicos do Ministério da Saúde, de cidadãos a profissionais, dirigentes, responsáveis políticos e gestores de saúde.

Estrutura-se em quatro grandes eixos: SNS; Institucional; Profissional e Cidadão, que integra a Área do Cidadão do Portal SNS. Em apenas um ano, esta área viu o número de inscritos aumentar consideravelmente, contando com mais 200 mil registos. Neste período evoluiu e tem disponibilizado novas funcionalidades, como os Benefícios do SNS, que visam aproximar mais o SNS do utente, o Guia Tratamento da Receita Sem Papel, entre muitas outras. Sendo uma mais-valia para o sistema de saúde, irá continuar a crescer, perseguindo a ambição de ter todos os cidadãos inscritos.

A transparência é, efetivamente, um dos principais objetivos deste Portal, sendo possível acompanhar atualizações de indicadores, ao segundo. Na área da Transparência partilham-se 121 conjuntos de dados (datasets), facultando todas as informações relativas às quatro “temáticas” em que estão agregados: Acesso; Saúde dos portugueses; Eficiência e Qualidade.

Na linha da transparência e, a título de exemplo, registam-se mais de um milhão de acessos aos Tempos de Espera nas instituições hospitalares, atualizados em tempo real.

Envolver, cada vez mais, o cidadão na sua saúde é uma das apostas do Ministério da Saúde, visível no Portal através da área da Literacia em Saúde e Percursos de Vida, projeto que promove a educação para a saúde, a literacia e autocuidados da população, tornando, desta forma, os cidadãos mais autónomos e responsáveis em relação à sua saúde. Alinhado com este propósito, o Grupo de Trabalho de Utentes (GTU) tem tido um papel preponderante, inclusivamente nos contributos para a dinamização do Portal SNS.

Graças às suas múltiplas potencialidades, o Portal apresenta, também, novas formas de comunicação, através da sua newsletter, que ultrapassou os 40 500 subscritores, e da aplicação móvel do Portal, a MySNS, que já chegou aos 52 mil downloads.

Com a finalidade de reforçar a proximidade do SNS aos utentes, a SPMS desenvolveu a MySNSTempos e a MySNS Carteira, soluções de mobilidade para tornar mais acessível a informação de saúde. As três apps encontram-se disponíveis nos sistemas operativos iOS e Android.

O Portal SNS, como instrumento facilitador e de proximidade aos serviços de saúde, fomenta a inclusão de todos os cidadãos, integrando dois sistemas que concretizam esta medida: o Readspeaker, que “sonoriza” os conteúdos do Portal e o ColorAdd, sistema de identificação de cores para daltónicos.

Cumprindo serviço de cidadania e de serviço público, o Portal irá continuar em constante evolução e crescimento. Reforçar a imagem do SNS, promover e simplificar o acesso à melhor informação de saúde, pautando-se sempre pelo rigor e transparência, são os pilares que sustentam o seu desenvolvimento.

Este é o nosso compromisso, assente no objetivo de ficar cada vez mais “Próximo de Si”!

Continue connosco em www.sns.gov.pt

Voltar