Com a chegada do Verão, chegam também os dias quentes com exposição a elevadas temperaturas. Os meses de junho e julho deste ano foram dos mais quentes desde que existem registos de temperatura ambiental. Em resposta ao aumento da temperatura ambiente o nosso organismo aumenta a perda de água pela transpiração, sendo esta a sua principal forma de arrefecimento.

Manter uma hidratação (ingestão de água ou de outro líquido no organismo) adequada é essencial, pelo que se recomenda que beba água, mesmo que não tenha sede e evite as bebidas açucaradas e alcoólicas.

Posto isto, o Programa Nacional para a Promoção da Alimentação Saudável da Direção-Geral da Saúde divulgou recentemente uma séria de recomendações para a hidratação e alimentação em dias quentes.

Manter-se hidratado mesmo que não sinta sede, consumir frutas e hortícolas ricos em água e ter alguns cuidados com o transporte e acondicionamento de alimentos mais perecíveis, são alguns dos temas relacionados com este assunto que recomendamos leia em www.nutrimento.pt

Beba cerca de 1,5 l / 2l de água por dia, dependendo das pessoas e das situações.

Voltar